Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Teenage Dirtbag

yound adult na tarefa árdua de tentar ser alguma coisa de jeito.

Teenage Dirtbag

yound adult na tarefa árdua de tentar ser alguma coisa de jeito.

18 de Dezembro, 2013

Secret Story - A Final

Inês

Já não comento a Casa Dos Segredos há bastante tempo mas não deixei de acompanhar. Muitas coisas se foram passando assim como a minha perspetiva que foi mudando e que aqui vai:

- a Sofia passou de bestial a besta. Com a saída do Tierry, ela não se cansou de encontrar sempre alguém com quem armar confusão. Não consegue fazer o seu jogo sozinha. Não houve nem há uma semana em que ela estivesse em paz com toda a gente. Foi o Tierry, a Débora, depois o namoro com o Diogo, mais discussões com a Érica e com o Luís. Provocações e mais provocações mesmo à espera que a Érica se passasse. Jogo sujo, muito sujo à Hélio do SS3. Felizmente, a Érica foi inteligente e controlou-se.

- o Luís fala muito, às vezes demais. Podia ser apenas aquela personagem cómica mas vai além disso (acho bem) e fala, opina e discute. Com razão ou sem razão e por vezes fica mal mas muitas vezes fica bem e isso importa. Nas primeiras semanas lembro-me de ter discutido com o Tierry, estando do lado da Sofia e, ultimamente, discutiu já diversas vezes com a Sofia. Muitos consideram-no falso, mentiroso ou incoerente mas eu não concordo nem um bocadinho. Ele é um ótimo jogador e o facto de ser incoerente e de mudar as suas opiniões ao longo do tempo mostra que é verdadeiro. Na casa, tudo muda em pouca tempo e o mais verdadeiro que se pode ser é mudar também a nossa perspetiva sobre o que se passa. Caso contrário, estamos a ser desonestos e apoiar causas só pela lealdade e não por acreditarmos nelas.

- a Joana é levada ao colo pela produção, sem sombra de dúvidas (assim como o Luís). Sou, inteiramente, contra isso mas, de qualquer das formas, gosto do seu lado engraçado e acho que o jogo dela é certeiro. É aquele tipo de jogo para os espectadores: muitas cenas, teatro, os momentos engraçados e cómicos, as discussões parvas e sem sentido com o Luís que o pessoal gosta de ver. Por isso, ela ficaria lá na Casa com ou sem os votos dos portugueses na matéria. Não gosto é nada das atitudes más que ela tem com o Luís. Chega a humilhá-lo e a fazer dele um cão e aquele pascácio deixa! Enfim.. só nos fazem o que deixamos.

- a Bernardina é aquela personagem única. Gosto dela e espero que fique.

- quanto ao Tiago, não consigo acreditar na paixão dele pela Bernardina. Acho que é jogo da parte dele e até bastante mal feito. Aquelas frases feitas dele não convencem ninguém. Acho até que a Bernardina sabe-o, no fundo, mas não o quer perder, gosta já demasiado dele e sabe também que como já perdeu o rapaz que tinha cá fora e lixou, naquela altura, a sua imagem, o mínimo para ficar bem agora é ficar com o Tiago, pelo menos uns meses.

- adoro a Érica! Aquela rapariga discute por tudo e por nada, é verdade (não tanto ultimamente, though) e muitas vezes perdeu a razão pela agressividade mas imensas vezes teve a razão do seu lado e os outros é que a fizeram de estúpida e provocaram.

Os meus finalistas são, sem dúvida, a Érica, a Bernardina e a Sofia. Ainda que não gosto do jogo desta última, acho que é jogo e, para mim, os jogadores são os melhores, não aqueles que pouco fazem lá dentro e que pouca história construíram ao longo das semana.