Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Teenage Dirtbag

Este blog é o meu diário. Mais para mim do que para vocês. Uma tentativa de arquivo de pensamentos. "Teenage" como quem diz... já são 25.

Teenage Dirtbag

Este blog é o meu diário. Mais para mim do que para vocês. Uma tentativa de arquivo de pensamentos. "Teenage" como quem diz... já são 25.

05 de Fevereiro, 2014

Que bom é nos sentirmos bem!

Inês

Ando muito satisfeita com o andamento das coisas lá na escola, dentro e fora de aulas. Faço bons trabalhos, vou tendo as coisas em dia e mantendo o nível lá em cima. Há que somar pontos para, quando os terríveis exames chegarem, as coisas estarem mais ou menos controladas. Fora das aulas, também me sinto bastante bem. Aquela aura negativa que me vinha assombrar na época das chuvas e dias cinzentos ficou lá atrás mal começaram as aulas. É estranho e bom ter um grupinho de colegas próximos com quer passar bons intervalos. No entanto, nem tudo são rosas. Nem a maior parte sequer. I mean, no fim de contas, fico sempre super contente com as coisas que se vão passando, mas, há pessoas com as quais, simplesmente, o conforto não aparece e a awkardness se instala. Já aqui vos contei como a questão das minhas relações interpessoais serem algo negativamente presente nos meu dia-a-dia e esse problema ainda não foi resolvido. O que foi tratado foi o impacto de como isso afetava os meus dias, que era gigantesco. Agora, não. Nem sequer me dou ao trabalho de pensar em demasia acerca do quão mau foi um determinado momento. Que se lixe. Foi assim e acabou. Para a próxima será melhor. Tudo é melhor do que nada. Passar os intervalos a rir, mesmo que com alguns momentos embaraçosos, num grupo de gente fixe é sempre melhor do que simplesmente vê-los passar.

2 comentários

Comentar post